WhatsApp testa novos recursos para a plataforma

O que já é bom, pode melhorar ainda mais. Este é o grande objetivo da inovação. Produtos e serviços inovadores são vantagens competitivas em relação a outros existentes no mercado. É por isso que empresas como a Apple e o Google fazem da inovação o combustível dos seus negócios. 

Outro exemplo é o aplicativo de mensagens instantâneas WhatsAppDepois do recurso de apagar mensagens antes de serem lidas, o aplicativo de mensagens instantâneas WhatsApp deve lançar mais uma novidade nas próximas semanas. O objetivo é melhorar a experiência de usuários em grupos. Isso porque é geralmente dos grupos que vem a maior parte de fotos, vídeos e áudios que acabam com a memória dos smartphones.

Conforme informado pelo site WABetaInfo, que testa as novas funções do WhatsApp, os moderadores de grupos poderão restringir o envio de mensagens e anexos a alguns participantes. Com isso, os contatos restritos somente poderão ler as mensagens publicadas na conversa. Quem não é moderador do grupo, terá que pedir permissão para enviar mídias ou mensagens.

Mais inovações

Outra ferramenta que está sendo testada visa dar ao criador do grupo controle total pelo chat, prevenindo que este seja banido por outro administrador. Além desta, os administradores também poderão definir se os outros participantes do grupo terão como mudar o assunto, o ícone e a descrição. Atualmente, todos os integrantes podem fazer isso.

Para o especialista em Propriedade Intelectual e sócio da Stock Marcas e Patentes, Luiz Fernando Stock, o mercado de aplicativos para smartphones e tablets tem se atualizado em grande velocidade. “O empreendedor precisa estar atento e acompanhar de perto toda essa evolução. É uma questão de sobrevivência em um mercado cada vez mais exigente, onde a empresa que se destaca é aquela que apresenta uma inovação que mude e facilite a experiência do usuário”, ressalta Stock. 

Todas as novidades citadas do WhatsApp foram encontradas em versões de teste do aplicativo. A expectativa é que cheguem em breve às demais versões.